sábado, 29 de outubro de 2011

Bernardo Jablonski


Sei que, em alguns momentos, as palavras são inúteis. E são inúteis porque incapazes de traduzir determinados sentimentos. Como este, de infinita dor, que toma conta não apenas de mim, mas de incontáveis pessoas que tiveram o privilégio de conviver com um homem que parece ter nascido com a expressa finalidade de gerar felicidade.


Nunca conheci alguém tão agregador, incapaz de qualquer indelicadeza, sempre tão bem humorado, com infinita capacidade de escuta, despido de qualquer arrogância, parceiro em todos os momentos.


E que lutou, durante 14 anos, contra um famigerado câncer, sempre acreditando na vida, sempre exibindo seu delicioso humor. Humor que desfrutei ao longo dos últimos 40 anos. 


Mas agora ele se foi. 
Agora ele já não sofre mais.
Agora ele descansa.


Eu - e certamente centenas de pessoas - estou me sentindo completamente órfão. Como administrar, meu Deus, essa perda irreparável? Como lidar com a inexorável certeza de que nunca mais nos falaremos, nos encontraremos, não jantaremos juntos, não discutiremos projetos? 


Sempre que vivi momentos difíceis - e foram tantos!? - e recorri ao Bernardo, após me ouvir com sua infinita paciência e bondade, e me brindar com esclarecimentos que me aliviavam, ele sempre terminava dizendo: "Lionel...vida que segue!"


Mas agora...como assim, vida que segue?
Como seguir sem você, meu amigo e parceiro desde sempre?


Parte de suas cinzas será depositada numa jaboticabeira que existe bem na entrada do Tablado. Será um belo consolo vê-la florescer e dar frutos. E contemplá-la certamente nos servirá de amparo e nos dará ânimo para enfrentar eventuais momentos difíceis que surjam em nossas vidas. 


Ontem o Tablado completou 60 anos.
Ontem morreu Bernardo Jablonski.
Certamente não foi mera coincidência...


Não sei o que existe - se é que existe - depois da morte.
Mas caso exista algo, uma outra dimensão, seja o que for, que este lugar seja encantado, digno de alguém que, ao longo de toda a sua vida, só gerou felicidade e encantamento.


Todos os beijos do mundo,
amigo tão querido!


Lionel Fischer (29/11/2011)



3 comentários:

  1. OI GOSTEI MUITO SO SEU BLOG PARABENS
    QUE TAL GANHAR UM DINHEIRINHO COM ELE?
    ESSE É O MELHOR PROGRAMA DE AFILIADOS DO BRASIL
    CONFIRA http://www.cursos24horas.com.br/parcerias/parceiro.asp?cod=promocao28933&id=29244&url=afiliados
    ABRAÇO
    LUIS
    LCSONLINE O BLOG DO RISO

    ResponderExcluir
  2. Lindo texto Lionel. Ele era uma figura fantástica, que falta imensa sua delicadeza fará. um abço leandro muniz

    ResponderExcluir
  3. Belas palavras Lionel.
    Bernardo vai com certeza deixar muitas saudades...
    Vocês foram meus grandes mestres no tablado. Quanta admiração e carinho que tenho pelos dois.
    Grande beijo!
    Marcela (Cabelo)

    ResponderExcluir